Google+

terça-feira, 8 de março de 2011

Notas rápidas


   Tenho notado um número crescente de visitas ao blog. Obrigado pelas visitas e comentários pessoal. Se possível sigam o blog, a opção está à direita. Gostaria de saber mais sobre meu público e como direcionar meus artigos a vocês.
   Infelizmente não poderei postar pelos próximos dois ou três dias pois estarei fora de BH e sem pc. Mas já tenho em mente sobre o que escrever nos próximos artigos e tenho certeza que vocês gostarão.
   Tenho recebido muitos comentários de garotos que se dizem passando por um momento difícil e pessoas se identificando com meu estilo de vida. A essas pessoas digo que esse blog é exatamente para vocês e que há milhões de pessoas lá fora que sentem ou sentiram as mesmas coisas que vos afligem.
   Abraços =)
   Até.

11 comentários:

  1. oi, blz?
    pra vc ver como tem aumentado o acesso, eu vim parar pela indicação de outro (Andreas)... rs

    Vc escreve muito bem e sobre assuntos q muitas fazes guardamos pra nós, pode ficar os dois dias fora, mas qdo voltar, poste imediatamente! kkk

    Sucesso pro teu blog, seu novo seguidor Bruno

    ResponderExcluir
  2. Seu blog está muito bom.

    Sou gay, não assumido, tenho 29 anos, já morei em BH e hoje moro no interior. Muito do nosso amadurecimento e aceitação de deve as experiências que vivemos na vida, boates, bate-papo, família, amores, a vida é assim, vivendo e aprendendo.

    Estou com curiosidade de ver vc, fico imaginando como vc é..kkk

    nem uma fotinha meia luz, de corpo?..k

    abraços e sucesso.

    André - Ipatinga/MG

    ResponderExcluir
  3. Olá,

    Estou adorando o Blog.
    Passei por várias situações parecidas e hoje consigo me identificar como "adepto ao prazer". Tenho um relacionamento hetero há mais de 05 anos e sempre que posso curto outras pessoas.
    Essas pessoas podem ser ou não do mesmo sexo, como já disse, sou "adepto ao prazer"

    Prazer em conhecer seu blog.

    ResponderExcluir
  4. Moro no interior de Minas, a 2 horas de BH.

    Tenho 18 anos e tentei passar na UFMG esse ano mas não consegui. Agora minha vida esta travada pq eu esperava ir pra capital ter minha própria vida e me aceitar. Agora vou ficar nessa desgraça de cidade mais um ano, com a mesma merda de vida, me sacrificando pra não ter que contar aos outros que sou gay. Pra piorar estou tendo um caso com uma mulher mais velha que me ama muito e pela qual eu não tenho nenhum sentimento, a não ser amizade. Vou terminar come ela semana que vem pra não feri-la mais tarde. Será que um dia eu serei livre de tudo isso?

    ResponderExcluir
  5. gente, tira o olho, tá?

    ResponderExcluir
  6. Oi "PH"...
    você ainda é muito jovem, já passei por isso que você está sentindo.

    Uma dica é você estudar muito e ter sua independência financeira.

    Não namore com ninguém que você não goste, isso é ruim para você e para a pessoa.

    As relações duradouras do mundo gay são raras, as pessoas são muito instáveis, não construa sua vida baseada somente em "um amor" que porventura você venha a conhecer.

    "Será que um dia eu serei livre de tudo isso?" claro, você tem que lutar por isso, aproveite que vai ficar no interior, estude mais, faça um novo ENEM melhore sua colocação e tenho certeza que seu futuro em BH ou UFMG será promissor., você está no caminho certo.

    Abraços!

    André - Ipatinga/MG

    ResponderExcluir
  7. sou o mesmo anonimo que disse querer te conhecer em resposta a outro post... vou me denominar evan pra tu ter uma referência...
    li todos os posts e vou continuar lendo os posteriores! esperoq eu nao pare... gostei do seu jeito de escrever e de como aborda as coisas, tu é muito coerente. abração e valew a iniciativa.
    ps.: tenho a mesma idade que você.

    ResponderExcluir
  8. Descobri seu blog hoje e curti muito cara! Você escreve bem e me identifiquei bastante....até faço exatas também O.o

    ResponderExcluir
  9. Parabéns pelo blog cara, eu adorei e provavelmente vou seguí-lo.

    O número de caras que vivem no armário é absurda, e por incrível que parece o preconceito diminuiu sim, ao contrário do que muitos afirmam. Hoje é mais cabível ou aceitável ter algum homossexual na família, na escola, no trabalho, como chefe, como dono da loja do bairro ou como beato da igreja. A hipocrisia ainda é forte, mas estamos aí e é idiotice achar que os gays vão acabar, eu sumir do mapa, se aceitando e tolerando esta sociedade de massa. Os gays estão se assumindo a cada dia me sua várias vertentes, e acredito que o número dobrará nos próximos anos (3,5,10 anos...no máximo). E acreditem. Se fosse opção eu transaria e viveria muito feliz como hétero, mais negar a própria essência é estupidez. Não sou mais um na multidão...Quando olhar lá de cima, vou estar vestido de vermelho, por que o meu sangue é por aquilo que acredito!

    Vou te seguir querido!

    ResponderExcluir
  10. O dono do blog sumiu?..kk

    já desistiu?

    ResponderExcluir
  11. Olá! Estou lendo seu blog aos poucos, da primeira postagem para a última! heheh Já que você abriu espaço para pedirmos tópicos, lá vai... Gostaria de saber o que você pensa em relação a pessoas que saem com garotos de programa como forma de saciar seus desejos sem ter que sair do armário...

    ResponderExcluir

#HTML10{background:#eee9dd ;}